Marco de Canaveses: Aprovado financiamento comunitário para a reabilitação da envolvente à Estação do Marco [C/AUDIO]

ObraEstacao_2021.03.23

A  Câmara Municipal do Marco de Canaveses viu aprovada, pelo Norte 2020, a candidatura a financiamento comunitário para a obra de Reabilitação da Envolvente da Estação de Caminho-de-Ferro do Marco.  

A candidatura foi aprovada sem corte de elegibilidade, pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) para os investimentos do Plano de Ação Mobilidade Urbana Sustentável (PAMUS), com o investimento de 426 224,29 €

O projeto de ‘Reabilitação da Envolvente da Estação, no montante global de  732 748,07 € , inclui a criação de um parque de estacionamento, de um edifício de ligação entre a estação e o parque de estacionamento, e a construção de passeios nas ruas envolventes  à Estação.

Com a aprovação desta candidatura, e das duas candidaturas submetidas e recentemente aprovadas para a construção de passeios, o município viu esgotado o valor de fundo alocado aos investimentos prioritários elencados, assegurando  uma taxa de compromisso a 100%.

“Dentro da região do Tâmega e Sousa, o Marco de Canaveses é o concelho que apresenta a maior dotação do PAMUS , com mais de 2 milhões de euros, e com maior número de candidaturas submetidas e aprovadas, refletindo uma clara aposta na mobilidade sustentável”, diz a presidente da Câmara Municipal, Cristina Vieira.

Depois da entrada em vigor dos descontos do programa PART e da eletrificação da Linha do Douro, “a Estação do Marco passou a ser a mais utilizada na região do Tâmega e Sousa, com mais de 15 mil utilizadores por ano”, evidencia.

 


Cristina Vieira | Presidente da Câmara do Marco