DESPORTO: Federação cancela campeonatos seniores não-profissionais de futebol e futsal

Federacao_2020.04.08

A Federação Portuguesa de Futebol anunciou, esta quarta-feira, que todas as provas nacionais não-profissionais sob a sua alçada, incluindo o Campeonato de Portugal, estão concluídas, sem atribuição de títulos nem o tradicional regime de subidas e descidas.

Este cancelamento ocorre depois das competições de formação terem tido o mesmo desfecho, numa decisão tomada em 27 de março último.

“A FPF entende que continuam a não estar reunidas as condições de saúde pública para que clubes com estruturas amadoras, como é próprio das provas em que participam, possam treinar e competir em segurança”, lê-se no comunicado do organismo,

Assim, a direção da Federação “entendeu dar por concluídas, sem vencedores, todas as suas competições seniores que se encontram nesta data suspensas, não sendo atribuídos títulos nem aplicado o regime de subidas e descidas”,

A FPF recorda que “vigora em Portugal o estado de emergência, pelo menos, até ao dia 17 de abril, sendo possível a sua prorrogação”

“Estas circunstâncias impedem o normal decurso das competições, sendo imprevisível antever quando e se tais condições de saúde pública estarão reunidas ainda durante esta época desportiva”.

Na mesma nota, a FPF anunciou que “analisará e comunicará com a maior brevidade possível de que forma serão indicados os dois clubes que acedem à II Liga de futebol, bem como os representantes de Portugal na Liga dos Campeões de futebol feminino e de futsal masculino”.

“A FPF continuará a estudar com as associações distritais e regionais os moldes em que decorrerão as competições nacionais não profissionais na época 2020/21”, remata o comunicado.

Na região do Tâmega e Sousa, o Campeonato de Portugal conta com três representantes: FC Felgueiras, Amarante FC e União de Paredes.