ANDEBOL: Equipa B da ARCA prepara regresso aos treinos em abril e à competição em maio [C/AUDIO]

ARCAB_2021.03.17

A Associação Recreativa e Cultural de Alpendorada (ARCA) já começou a preparar a retoma competitiva da equipa B, que está a disputar o campeonato nacional da 2ª divisão em andebol feminino.

O arranque da prova está previsto para o inicio de maio e o regresso aos treinos está agendado para 19 de abril. Nesta altura, faltam disputar cinco jornadas para encerrar a fase regional, de onde sairão as equipas apuradas para a fase nacional.

O treinador da ARCA, João Monteiro, considera que “é possível” encaixar nos próximos meses todos os jogos agendados, mas admite que será necessário “fazer algumas alterações a nível de calendário”, nomeadamente com a introdução “de jornadas duplas semanais”.


A equipa B da ARCA realizou a última partida a 23 de dezembro do ano passado, quando bateu, fora de portas, o São Félix da Marinha, por 31-28. O regresso aos trabalhos, previsto para 19 de abril, dar-se-á após quase quatro meses de inatividade.

João Monteiro acredita que as atletas “vão voltar com muita motivação e vontade para treinar”, mas adverte que, na sequência de uma interrupção tão prolongada, é necessário acautelar “o planeamento das sessões de treino” para evitar o aparecimento de lesões.

“A paragem acabou por privar as atletas de muitos movimentos físicos que vinham a fazer durante o ano no treino de andebol, como quedas, saltos ou mudanças de direção. São movimentos que se não forem realizados com muito cuidado são potenciadores de lesões que, depois, se podem tornar irreversíveis. Nesse sentido, nós treinadores, teremos de ter muito cuidado no planeamento que iremos fazer das sessões de treino”, avisa.


A formação secundária do clube de Alpendorada venceu quatro dos cinco jogos disputados antes da paralisação do campeonato. Sofreu apenas uma derrota, frente ao CJ Almeida Garrett, “um candidato à subida de divisão”.

Por isso, João Monteiro está muito satisfeito com o desempenho que a equipa revelou, sobretudo pelo facto do plantel ser constituído essencialmente por atletas ainda com idade júnior, “sem experiência” em competições seniores.

“Quase nenhuma das atletas juniores tinha participado num campeonato sénior. Apenas duas jogaram pela equipa sénior em anos anteriores. Estávamos com algum receio em relação ao seu desenvolvimento neste escalão. No entanto, penso que os resultados estão à vista. Temos uma das nossa atletas na lista das melhores marcadoras, temos resultados coletivos que nos colocam no segundo lugar e que, até ver, nos permitem a passagem ao nacional”, sustenta.


“Estamos muito feliz com a resposta que as atletas deram a este novo mundo sénior. Mas também estamos cientes que é preciso evoluir muito, continuar a crescer, para conseguirem manter este nível e melhorá-lo”, acrescentou João Monteiro.

A equipa B da ARCA ocupa o segundo posto da tabela classificativa da zona 3 da fase regional da 2ª divisão, com 13 pontos, apenas a dois de distância do líder CJ Almeida Garrett. Nesta altura, encontra-se em posição de apuramento para a fase nacional.

Apesar dos resultados positivos, o treinador do emblema de Alpendorada não altera o discurso de inicio de época. O principal objetivo é potenciar atletas tendo em vista “uma futura integração na equipa A”.

“Obviamente, se conseguirmos alcançar a fase nacional será a cereja no topo do bolo. Ficaremos muito contentes, até porque as atletas irão ter ainda mais competição e ganharão mais experiência”, concluiu.