Marco de Canaveses: Inaugurada obra de modernização da ETAR de Ponte das Tábuas [C/AUDIO]

ETAR_Marco_2023.11.16

A obra de modernização da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Ponte das Tábuas, em Marco de Canaveses, foi inaugurada esta quarta-feira, num investimento superior a 2,5 milhões de euros.

 

A infraestrutura, financiada pelo Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR) em um milhão de euros, está dotada de tecnologia de última geração e tem capacidade para tratar os efluentes de um universo populacional de cerca de 10 mil habitantes.

A Presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses, Cristina Vieira evidenciou satisfação pela modernização da ETAR e pela celeridade na execução do projeto.

“É para nós motivo de orgulho ter uma ETAR com tecnologia de ponta. Este foi um projeto desenvolvido por empresas especializadas, feito em tempo recorde”, explicou.

A obra, cujo investimento foi de 2,6 milhões de euros, teve apoio comunitário no valor de 1 milhão de euros, através do POSEUR.

ETAR_Marco2_2023.11.16

“Pela primeira vez tivemos a oportunidade de obter financiamento comunitário. Como sabem, no passado não havia essa possibilidade, abriu-se uma janela de oportunidade e ,hoje, estamos aqui. Este é um dia feliz para o Marco”, acrescentou.


A ETAR de Ponte das Tábuas, construída há 40 anos, estava obsoleta e sem capacidade de resposta. As descargas frequentes para o Rio de Galinhas transformaram aquele curso de água num passivo ambiental.

O presidente da Junta de Freguesia do Marco, Celso Santana realçou a importância deste equipamento para a resolução de um problema há muito identificado.

“No início do mandato, ou seja, há 6 anos, quando entramos para a junta de freguesia, esta foi uma das preocupações que nós comunicamos ao executivo municipal. Tínhamos aqui uma ETAR completamente obsoleta e sabíamos que havia um défice ambiental muito grande com o qual não podíamos continuar a pactuar”.

“Esta inauguração satisfaz-nos a todos. Acabamos com um problema identificado há muito tempo e vamos retirar pressão à ETAR de S. Nicolau que está em esforço”, frisou.


A modernização deste equipamento encaixa na estratégia do município de Marco de Canaveses em matéria de expansão da rede pública de águas residuais e abastecimento de água.

ETAR_Marco3_2023.11.16

“A nossa meta é chegar, nos próximos oito anos, a uma taxa de cobertura de água de 80% e no saneamento de 70%. Isso exige um esforço financeiro por parte da Câmara Municipal, que já está a acontecer”, assinalou a autarca marcoense.

Cristina Vieira lembrou, também, o trabalho feito desde há seis anos para cá. “Nós conseguimos aumentar significativamente as taxas de cobertura de água e saneamento em 10 e 11 pontos percentuais. Para nós é motivo de orgulho”.


A ETAR de Ponte das Tábuas está preparada para servir  as freguesias do Marco, Tabuado e Várzea, Aliviada e Folhada.