Marco de Canaveses: Estação elevatória na rua da Ribeira serve 30 habitações [C/AUDIO]

EstacaoElevatoria1_2019.07.16

A estação elevatória de águas residuais na rua da Ribeira, freguesia de Bem Viver, já está a funcionar. Um investimento de cerca de 25 mil euros que vai servir 30 habitações e um universo de 150 residentes.

O montante investido não é grande, mas para a população e o ambiente “representa muito”, diz o vice-presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses, Bruno Magalhães.

“A nível económico o investimento não é por aí além, mas a capacidade do equipamento é muito representativa. No imediato vamos suprimir 30 fossas”, realça.

A intervenção prevê outras ligações dentro da mesma área geográfica.

“Falta ainda construir um ramal que vai ligar a estação elevatória à rua Engº Carneiro Geraldes, uma ligação para servir mais 11 habitações. Também neste caso os gastos não são significativos”, nota o vereador.

EstacaoElevatoria2_17.09.2019

O investimento do município em matéria de saneamento e abastecimento de água abrange outras áreas do território concelhio. No lugar do Torrão, freguesia de Alpendorada, Várzea e Torrão, está em curso uma empreitada de 700 mil euros.

“Tem havido alguns problemas. As ruas são muito estreitas e o próprio solo não é fácil de trabalhar. Temos feito alguma pressão junto do empreiteiro e finalmente a intervenção está orientada como gostaria”, sublinha Bruno Magalhães, que estima que a obra possa estar concluída até ao final do ano.

 


Bruno Magalhães | Vice-presidente da CMMC