Marco de Canaveses: Centro Social e Paroquial de S. Romão de Carvalhosa acompanha idosos em casa [C/AUDIO]

CentroCarvalhosa_2021.01.21

O encerramento dos centros de dia é uma das novas medidas de combate à pandemia aprovadas na segunda-feira em Conselho de Ministros. O Centro de Dia do Centro Social e Paroquial de S. Romão de Carvalhosa não pode receber os utentes mas àqueles que não têm retaguarda familiar irá prestar-lhes apoio no domicílio.

“Não deixamos de auxiliar as pessoas na higiene pessoal, na alimentação e na coordenação da medicação. Vamos acompanhar aqueles que não tenham retaguarda ou esta seja muito diminuta”, explicou o diretor técnico, José Carlos Coelho.

A instituição conta com a experiência do ano passado para levar a cabo esta trabalho.

“É uma logística grande. O serviço de apoio no domicilio obriga a vários recursos dispersos. Estamos a inventariar outras necessidades e do tempo que nos restar, ainda vamos acompanhar os idosos em teleassistência e procuraremos passar algum tempo com eles para minimizar os efeitos nefastos da solidão”, acrescenta.

Cinco meses depois de ter reaberto, a seguir ao primeiro confinamento, este centro de dia voltou a encerrar, não se sabendo ainda por quanto tempo.

“Estamos com a esperança de que não seja um tempo tão longo como no ano passado”, conclui.

 


José Carlos Coelho | Diretor técnico do Centro Social de Carvalhosa