FUTEBOL: Eduardo Felipe quer colocar Marco-09 nos nacionais em dois anos [C/AUDIO]

Marco09_2020.04.09

Eduardo Felipe ambiciona colocar o Marco-09 nos campeonatos nacionais nos próximos dois anos. O atual presidente do clube confessa que lutará por esse objetivo caso venha a ser reconduzido no cargo nas eleições marcadas para 6 de junho.

O presidente do Marco-09 anunciou a recandidatura ao cargo que já ocupa desde 2016. A restante estrutura diretiva também se mantém, mas será reforçada com a entrada de “mais um ou outro elemento”.

O ato eleitoral, para o biénio 2020/2022, deverá contar com uma lista única. Eduardo Felipe não acredita que “mais alguém apareça”, embora neste momento o Marco-09 seja “um clube apetecível e financeiramente saudável”.


“Se uma lista concorrente aparecer, faz parte, porque vivemos numa democracia. Não tenho conhecimento que isso vá acontecer, mas se surgir alguém creio que os sócios saberão dar valor a quem andou nos últimos anos a fazer todo este trabalho”, adianta.

Caso seja reconduzido, Eduardo Filipe manifesta vontade em retirar a equipa sénior das competições da AF Porto e devolve-la às provas nacionais “nos próximos dois anos”. O objetivo “era apostar tudo já na próxima época”, mas a pandemia da Covid-19 veio refrear as intenções da direção encarnada.

“O Marco-09 é cumpridor e honra os seus compromissos com jogadores, treinadores e fornecedores. Com a atual situação da Covid-19, temos medo de falhar. Isso deixa-nos reticentes nessa aposta para a próxima época, porque nós queremos cumprir”, justifica.


“Nós queremos subir, mas não a todo o custo. Queremos subir de forma sustentada, justa e correta. Por isso, este ano, vamos tentar fazer um campeonato igual ou melhor do que o da temporada passada. Mas dentro deste biénio o objetivo é chegar aos nacionais”, salienta.

Outro objetivo, já para a próxima temporada, é a criação de “uma equipa de futebol feminino”. Os primeiros passos já foram dados no final da época anterior.

“Nós fizemos cerca de um mês de treinos e perspetivávamos fazer uma equipa de futebol de sete, mas demos conta que havia muitas atletas interessadas. Por isso, vamos inscrever para 2020/2021 uma equipa de futebol de onze”, explica.


O futebol de formação, que na próxima época “terá três escalões a disputar a 1ª Divisão distrital”, também continuará a ser a aposta da direção marcoense, assim como o “atletismo e o trail”.

Eduardo Filipe faz um balanço “muito positivo” dos quatro anos que leva como presidente do Marco09, enaltecendo o trabalho desenvolvido pelos restantes elementos da direção.

“Não é uma direção de homens de fato e gravata. É uma direção que trabalha muito e isso acabou por dar frutos. A equipa sénior subiu durante três anos consecutivos. Financeiramente o clube está numa fase muito boa. E a formação também começa a dar frutos”, assinala.


“No inicio não foi fácil. Quando assumimos, o clube não tinha dívidas, mas também não tinha nada. Financeiramente estava a zero, não tinha bolas, não tinha carrinhas, não tinha nada. Ou seja, praticamente começamos tudo do zero. Com muito trabalho e sacrifício de todos fomos fazendo aquilo a que nos propusemos”.

A assembleia-geral eleitoral para os órgãos sociais do Marco-09 para o biénio 2020/2022 está agendada para 6 de junho. Decorrerá no auditório do Estádio Municipal entre as 18:00 e as 22:00.

O prazo para a apresentação de listas candidatas termina a 31 de maio.

 


Peça Rádio | Reportagem de Luís Miguel Nogueira