Felgueiras/Lousada: Escolas encerradas e eventos cancelados por causa do coronavírus [C/AUDIO]

ConferenciaImprensa_2020.03.09

As escolas públicas e privadas dos concelhos de Felgueiras e Lousada estão encerradas por determinação da Direção-Geral da Saúde (DGS), em virtude do coronavírus. Estes dois concelhos do Tâmega e Sousa concentram o maior foco de propagação do vírus, registando 19 dos 23 casos detetados no norte do país.

Além da educação, também estão suspensas as atividades públicas em espaços como bibliotecas, piscinas, ginásios e outros locais de grande concentração de público. A decisão foi anunciada, esta segunda-feira, em conferência de imprensa pelos autarcas dos dois municípios.

“Decidimos implementar medidas adicionais às adotadas pelo governo. A decisão foi concertada e comunicada aos concelhos vizinhos ”, afirmou o presidente da Câmara Municipal de Felgueiras.

Nuno Fonseca anunciou “o encerramento de todos os edifícios municipais de acesso ao público, exceptuando os Paços do Concelho, restringindo-se aquilo que é a circulação de pessoas aos serviços essenciais e serviços técnicos”

“As feiras municipais de Felgueiras e Lixa, desta e da próxima semana, foram canceladas, e os eventos públicos estão suspensos pelo período de 30 dias”, revelou.

O autarca ainda deixou o desafio a outras instituições públicas e privadas para seguirem estas medidas “de modo a acautelar aquelas que foram as recomendações da Direção-Geral de Saúde”.

Consciente dos efeitos na economia e nas pessoas, Nuno Fonseca apelou ao Governo para que, em parceria com os parceiros nas áreas económica e social, “adotem medidas extraordinárias” para fazer face aquilo que podem vir a ser as repercussões desta decisão, e termina apelando à “tranquilidade” das pessoas.

A decisão da DGS de ordenar o encerramento das escolas públicas e privadas do concelho de Lousada deixou “mais tranquilo” o presidente da Câmara Municipal de Lousada, Pedro Machado.

“São medias muito gravosas que mexem com o dia-a-dia das pessoas, mas estamos todos perante um desafio em que mais vale prevenir que remediar”, realçou.

O autarca apela “ao sentido de responsabilidade” da população, e conclui “a situação não deve ser relativizada”.

[Foto: Armindo Mendes]

 


Nuno Fonseca | Presidente da CM Felgueiras


Pedro Machado |Presidente da CM Lousada