Baião: Obra de restauro do Mosteiro de Ancede em fase adiantada [C/AUDIO]

MosteiroAncede_2020.12.02

As obras de recuperação do Mosteiro de Santo André de Ancede, em Baião, encontram-se a decorrer a bom ritmo. A intervenção  abrange o restauro dos Claustros, da Ala Poente, Ala Nascente e da Ala Sul do Mosteiro.

Seguindo um projeto do arquiteto Álvaro Siza Vieira, a obra no monumento que este ano completa 900 anos de história, está orçamentada em cerca 1,7 milhões de euros.

“A obra encontra-se num estado bastante avançado, estando já a ser colocada a cobertura”, diz a vereadora com o pelouro da cultura da Câmara Municipal de Baião, Anabela Cardoso.

Ao mesmo tempo decorrem sondagens arqueológicas que têm permitido encontrar vestígios e objetos de grande importância sobre a história secular deste monumento.

“Tem sido muito interessante perceber as dinâmicas que ao longo dos anos o complexo foi sofrendo e as adaptações que foi vivendo para servir as pessoas que utilizaram aquele espaço”, acrescenta.

Todo o complexo será intervencionado. O Município de Baião já está a preparar candidaturas para as próximas.

“A  concretização deste projeto é o fechar de um ciclo que, certamente, nos abrirá portas para outros desafios que irão surgir”, salienta.

Mosteiro de Santo André de Ancede, com uma Quinta de cerca de 19 hectares, marcou muitas gerações de baionenses ao longo de séculos.

Monumento anterior à nacionalidade teve várias valências ao longo da sua existência. Em 1985 foi adquirido pela Câmara Municipal de Baião com o objetivo de o devolver à dignidade de outrora.

Ao longo dos anos, a autarquia de Baião tem investido na recuperação deste equipamento arquitetónico.

Até 2022, o investimento na requalificação do Mosteiro deverá ascender a cerca de 2,8 milhões de euros.

 


Anabela Cardoso | Vereadora da Cultura da Câmara de Baião