Amarante: Está concluída o o projeto de “Valorização das margens da Ribeira da Póvoa

marao-sangue-azul-2020.10.15

Está concluído o projeto de “Valorização das margens da Ribeira da Póvoa e seus afluentes principais – O Marão tem Sangue Azul”, na Serra do Marão, com vista à recuperação ecológica da Ribeira da Póvoa.

Neste projeto pioneiro do Município de Amarante, foram intervencionados 60 hectares de área florestal, beneficiados 18 quilómetros de linhas de água e melhorados cerca de 3 quilómetros de acessos. Foi ainda criado um trilho pedestre de 3,5 quilómetros, que liga o campo de futebol da Póvoa até à zona limítrofe com Baião, que percorre todo o espaço natural recuperado, de forma a reaproximar as pessoas à Natureza e devolver a serra à população.

Com o objetivo de proteger, valorizar e fazer uma gestão sustentável do sistema ribeirinho da Serra do Marão, valoriza-se, assim, o espaço em termos ecológicos e paisagísticos, promove-se a biodiversidade e o aumento da resiliência dos ecossistemas às alterações climáticas, replantam-se espécies autóctones e criam-se abrigos, charcos e caixas ninho para aves e morcegos.

No âmbito do plano de educação ambiental do município foram ainda desenhados guiões didáticos para as escolas e um caderno de atividades para as famílias tornarem a visita ao trilho da Ribeira da Póvoa mais divertida e pedagógica.

O projeto de valorização da margem da Ribeira da Póvoa foi financiado pelo POSEUR/Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, criado para a operacionalização da Estratégia Portugal 2020.